21 de fevereiro de 2017

Que tenhamos tempo para sentir o que nos pede o coração.


Que tenhamos tempo para sentir o que nos pede o coração. 

Que a urgência se dê na compaixão por quem sofre e encontra-se perdido; por aquele que fora desenganado pelos sonhos que perdeu e pela fé que estremeceu mediante ao caos. 

Que tenhamos calma para lidar com os percalços e sabedoria para (re)conhecer a hora oportuna de abandonar o barco furado e recomeçar. 

Que nunca nos falte esperanças. 

Amém. 

MarcelyPieroniGastaldi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...